Uncategorized

Como captar alunos sem depender do boca a boca!

Não se limite ao boca-a-boca!

Se você é teacherpreneur ou dona (o) de uma escola de idiomas você sabe que captar alunos é fundamental para a saúde do seu empreendedorismo. Entretanto, a maioria dos profissionais da educação que empreendem contam somente com a propaganda boca-a-boca, e isso é um erro gravíssimo. Não é que a propaganda boca-a-boca seja ruim. Muito pelo contrário, é super positivo e é o resultado de um bom trabalho pedagógico. A minha crítica aqui é que a propaganda boca-a-boca não pode ser chamada de “estratégia” pois não se tem muito controle sobre quantos novos alunos virão mês a mês por conta da recomendação dos nossos clientes.

Algo que faz toda a diferença é termos um ciclo contínuo de vendas de tal forma que a todo instante você tenha estratégias em ação – algumas automatizas e outras manuais mesmo – que irão trazer constantemente um fluxo de novos clientes para você.

Isso significa um funil de vendas contínuo, alimentado pelas estratégias de captação de alunos que irei compartilhar com você nesse artigo.

Jornada do Cliente!

Clientes não brotam nas redes sociais prontos para adquirir o seu curso na verdade, a minoria das pessoas está preparada ou conscientizada de que inglês é necessário e que você é capaz de ajudá-las.

Isso significa que você precisa conscientizar o seu público sobre a importância do inglês para os objetivos de vida do seu público alvo, fornecer conteúdos que dialogam com as dores do seu cliente, mostrar que você é capaz de trazer resultados e isso pode ser feito através dos depoimentos dos seus clientes atuais e por último, fazer CTAs (Call to Action). O CTA é a propaganda em si, é quando você convida o prospect a fazer o seu curso. Note que a maioria dos seus concorrentes fazem somente CTA. Não educam o público alvo, não compartilham conteúdos relevantes e nem têm depoimentos dos clientes.

Quando as suas postagens nas redes sociais seguem a estratégia da jornada do cliente você aumenta as chances de captar alunos através das suas redes sociais.

Geração de listas!

Todos nós temos seguidores nas redes sociais, como por exemplo o Instagram. Porém, nós não temos um acesso direto a qualquer instante aos nossos seguidores, já que o algoritmo do Insta só permite que as nossas postagens cheguem a uma parcela minoritária dos nossos seguidores. Por mais que você se esforce e faça o algoritmo trabalhar ao seu favor, dificilmente você atingirá todos os seus seguidores.

Levando isso em conta, ter listas próprias que permitem a comunicação instantânea e sem intermediários aos seus seguidores aumenta as chances de relacionamento, fandelização e venda.

O tipo de lista mais tradicional é a lista de e-mails que você consegue através de uma landing page que faz a troca de um conteúdo seu de qualidade, por exemplo um ebook, pelo cadastro do prospect na sua lista de e-mails. O software que recomendo para tal é o www.mailerlite.com., já o uso há muitos anos e já perdi a conta de quantas vendas fiz através dessa estratégia. O MailerLite permite criar landing pages, gerar as listas de maneira organizada e segura e ainda te ajuda a criar os e-mails que você irá enviar. Tudo de maneira profissional e agradável aos olhos.

Você também pode criar listas de contato (e audiência) no whatsapp e Telegram. Lá você pode de maneira direta dialogar com a sua audiência, entregar conteúdo e fomentar relacionamento com os seus seguidores.

Você quer aprender a dar aulas online?

Baixe gratuitamente o Ebook "Como Começar a Dar Aulas Online"!

Clique aqui

Repense os seus conteúdos!

Há vários anos observo uma enchente de conteúdos gratuitos nas diversas redes sociais, e isso pode dar uma sensação de que já tem gente demais falando de tudo. O que eu percebo é que a maior parte dos conteúdos acaba ficando sem uma estratégia clara de vendas. Como disse anteriormente, as suas postagens idealmente seguirão a jornada do cliente e o conteúdo é apenas parte dessa jornada. O conteúdo deve, em primeiro lugar, dialogar com o prospect, melhor ainda, dialogar com a dor do prospect, gerar resultado para o prospect. Quando criamos um conteúdo pensamos no nosso público alvo e não em nós mesmos. Isso significa que criar conteúdo demanda que você pense na sua audiência e no que ela precisa.

É muito importante que você crie conteúdos que permitam a autonomia do seu público alvo de tal maneira que a sua rede social vire um hub para as pessoas interessadas, de tal forma que em um dado momento essas pessoas busquem um acompanhamento mais personalizado, e é aí que seus serviços pagos entram. Ou seja, além do seu conteúdo ser bom, ele ter que ser direcionado para a dor do prospect e você precisa ter CTAs endossados com depoimentos. Além disso, há alguns conteúdos que eu classifico como refinados, tais como webinars e ebooks. Esses devem estar atrelados à uma landing page para te ajudar a criar listas.

Você pode criar ebooks no canva.com e webinars no Zoom. Vale salientar que você não precisa usar a versão paga dessas ferramentas para criar ebooks ou eventos no estilo webinário. Apesar do Zoom ter a ferramenta webinar, ela é muito cara e você pode usar a ferramenta gratuita do Zoom para ter até 100 pessoas te assistindo ao vivo num período máximo de 40 minutos, e você pode enviar o link do seu evento através de uma landing page criada no MailerLite.

Última dica 🙂

O empreendedorismo tem como foco o outro, o seu prospect e/ou cliente! Tudo o que fazemos diz respeito ao legado que estamos deixando e à contribuição que fazemos para a sociedade. Portanto, não caia na tentação de oferecer fórmulas mágicas ou os tão conhecidos métodos próprios. Eu sei que quando se faz isso, aumenta-se muito as chances de vendas, mas também sei que ser empreendedor da educação não significa que deixamos de ser educadores. Empreender não significa ser mesquinho ou desonesto, não precisamos perder os nossos valores para ter a renda que merecemos e a qualidade de vida que almejamos.

Se você precisar de ajuda no seu empreendedorismo temos diversos artigos e conteúdos gratuitos no nosso site em www.juliovieitas.com.br/blog e www.juliovieitas.com.br/downloadas.

Bons estudos! 😊

Share on facebook
Facebook
Share on twitter
Twitter
Share on linkedin
LinkedIn
Share on whatsapp
WhatsApp

Leave a Reply

Your email address will not be published. Required fields are marked *